TV União Rádio União Impressas - PDF Interativo

Saúde • 06 de abril de 2017 • 09h12

Richa repassa R$ 35 milhões para fortalecer saúde em 206 municípios

O Governo do Paraná anunciou mais medidas para ampliar e melhorar os serviços de saúde. Ontem (05), em encontro com prefeitos no Palácio Iguaçu, em Curitiba, o governador Beto Richa repassou R$ 35 milhões para 206 municípios reforçarem o atendimento à população. Na mesma solenidade, o governador também assinou decreto de nomeação de mais 585 profissionais da área, entre os quais médicos, enfermeiros, farmacêuticos. 

Richa destacou os investimentos em saúde. Nos últimos seis anos, foram destinados R$ 15 bilhões para a área, contra R$ 6,7 bilhões investidos nos oito anos do governo anterior. A previsão do governo é fechar 2017 com R$ 19 bilhões aplicados na saúde pela atual gestão.

“A saúde é um serviço essencial para a população e os resultados Paraná surpreendem. Temos forte diminuição nos índices de mortalidade materno-infantil. Já distribuímos para os municípios mais de 2,3 mil veículos para uso em saúde, sendo mais de 800 ambulâncias. Também implantamos o programa de transporte aéreo, que salvou milhares de vida e ampliou o número de transplantes no Estado”, ressaltou o governador.

Ele também citou a parceria permanente com os municípios, em todas as áreas. “Estamos estreitando e fortalecendo a parceria com cada município do Paraná, em favor dos interesses legítimos do Estado.”

PRIORITÁRIOS – Os recursos repassados poderão ser aplicados pelas prefeituras em compra de ambulâncias, ônibus, vans e veículos para o transporte de pacientes, reforma de unidades de saúde, aquisição de kits de equipamentos e mobiliário para unidades de saúdes, além de conjuntos de equipamentos de fisioterapia. 

O secretário da Saúde, Michele Caputo Neto, explicou que os itens prioritários foram definidos dentro de um elenco de necessidades mais frequentes dos municípios.

“Observamos que os municípios estão pedindo poucos equipamentos para unidades de saúde, porque já fortalecemos essa questão nos últimos anos. Agora recebemos pedidos para equipamentos de fisioterapia, que foram sugeridos pelos próprios prefeitos”, contou. “É pelo contato com a realidade dos municípios e o diálogo com os prefeitos que percebemos onde estão as principais necessidades”, disse.

São R$ 3,8 milhões para reforma de unidades da saúde da família (14 municípios), R$ 1,9 milhão para compra de equipamentos de fisioterapia (41 municípios), R$ 2,1 milhões para equipamentos destinados a unidades de saúde da família (15 municípios) e R$ 27,1 milhões para aquisição de veículos de transporte sanitário (172 municípios).

Confira AQUI a lista dos municípios contemplados.

AEN



Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário