TV União Rádio União Impressas - PDF Interativo

Cidades • 12 de abril de 2017 • 09h03

CMTU executa a sinalização viária na ponte da Mábio Gonçalves Palhano

Além da implantação de placas e marcas horizontais na rodovia, companhia atuou também na sinalização dos meios-fios em mais duas avenidas

A Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) realizou segunda feira (10), a revitalização da sinalização viária da ponte da Rodovia Mábio Gonçalves Palhano, localizada sobre o Ribeirão Cafezal, na região sul de Londrina. O serviço foi realizado numa extensão de 500 metros de pista, entre a cabeceira da travessia e a entrada da via que leva à sede campestre da Apuel.

O trabalho envolveu a implantação de placas, faixas de divisão de pista e setas de direcionamento. Para fazer a reestruturação e eliminar as chances de má interpretação das pinturas, servidores da companhia precisaram apagar a sinalização antiga. Hemerson Pacheco, diretor de Trânsito da CMTU, explicou que agora o local está em perfeitas condições visibilidade e circulação. “A implementação das melhorias deu outra cara à ponte e trouxe muito mais segurança a quem passa pelo local”.

O diretor alertou, no entanto, que a não incidência de acidentes na região depende do comportamento dos condutores. “Do ponto de vista da visibilidade, o local está perfeito. Mas as intervenções só surtirão o efeito desejado se os motoristas respeitarem rigorosamente as normas de trânsito naquela área”, afirmou.

Destruída pelas fortes chuvas que atingiram Londrina em janeiro de 2016, a estrutura da ponte, de 36 metros de comprimento por 15 de largura, foi reconstruída pela Prefeitura e teve a liberação do tráfego de veículos no último dia 16.

Meios-fios - Ainda ontem, a CMTU executou também a pintura dos meios-fios das avenidas Saul Elkind, na região norte, e Ayrton Senna, na zona sul. As atividades complementam o trabalho que vem sendo realizado em diversas regiões da cidade com o objetivo de aumentar a segurança nas vias do Município.

O serviço já foi desenvolvido nas avenidas Winston Churchill, Rio Branco, Francisco Gabriel Arruda, Duque de Caxias, Inglaterra, Adhemar de Barros, Waldemar Spranger, Harry Prochet, Madre Leônia Milito, Santos Dumont, Comandante João Ribeiro de Barros, Maritacas, Tiradentes, Arthur Thomas, além da Juscelino Kubitschek.

Segundo Pacheco, a iniciativa tem a função de delimitar de forma mais eficiente os limites das vias, facilitando a visualização do trânsito, principalmente à noite. “A pintura ajuda muito na visualização das avenidas, especialmente em condições de baixa visibilidade”. A expectativa para os próximos dias é que a pintura de meios-fios contemple também a avenida Guilherme de Almeida, no Ouro Branco.

N.com



Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário