TV União Rádio União Impressas - PDF Interativo

Cidades • 25 de abril de 2017 • 09h07

Endemias participa de revitalização em terreno da região norte

Além do plantio de árvores, haverá trabalho de conscientização de combate ao mosquito Aedes aegypti

Nesta quarta-feira (26), a partir das 9 horas, o setor de Endemias da Secretaria Municipal de Saúde irá participar de uma revitalização em um terreno localizado na Rua Braz Lucas Teruel, no bairro Vista Bela, região norte de Londrina. A ação será realizada em parceria com a Secretaria Municipal do Ambiente (Sema), que plantará mudas de árvores no local, e com os projetos Vista Bela e Viva a Vida, e também a Unidade Básica de Saúde (UBS) Padovani.

Irão participar cerca de 80 alunos do Projeto Vista Bela e 25 do Projeto Viva a Vida. Além de revitalizar o local, entregando um espaço mais agradável à população, o objetivo é conscientizar a comunidade sobre a importância de cuidar dos terrenos do bairro, não jogando materiais que podem acumular água, servindo de criadouro para o mosquito Aedes aegypti.

Segundo a educadora em Endemias da Secretaria Municipal de Saúde, Lucimara Vasconcelos, os agentes falarão sobre a dengue, zika vírus e febre chikungunya, a fim de conscientizar a população para evitar a proliferação do vetor causador das doenças. “Os agentes também vão abordar a importância de estar cuidando do espaço que é de todos eles e vão entregar panfletos com diversas orientações”, contou.

Haverá ainda exposição do larvário, que demonstra o ciclo evolutivo do mosquito Aedes aegypti com o ovo, a larva, a pupa e o mosquito adulto, e demonstração do quintal certo e errado. Também estarão expostos os mostruários do caramujo africano, da esquistossomose e bicho barbeiro.

Os agentes levarão também materiais lúdicos que representam os materiais que podem acumular água, servindo de criadouros para o mosquito. “Esta iniciativa é importante porque se o terreno fica sem receber cuidados as pessoas acabam jogando lixos e matérias que podem servir de criadouros para o Aedes. E assim, além de revitalizarmos o local, pretendemos formar multiplicadores de informações, para diminuir o índice de infestação no bairro”, frisou Lucimara.

N.com



Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário