TV União Rádio União Impressas - PDF Interativo

Londrina • 03 de agosto de 2017 • 08h56

Idoso volta a ter atendimento no prédio da Prefeitura

Haverá emissão de carteira de viagem para idosos, programação das atividades oferecidas nos centros de convivência e orientações sobre os direitos da pessoa idosa

A partir desta quinta-feira(3), a Secretaria Municipal do Idoso volta a prestar atendimento no térreo da Prefeitura de Londrina.  O retorno é uma solicitação do prefeito Marcelo Belinati que visa melhor atender aos idosos que buscam os serviços, com um local de fácil acesso. O setor vai funcionar de segunda a sexta-feira, das 12 às 18horas. Informações pelo telefone 3372-4502.

De acordo com a secretária municipal do Idoso, Nádia Moura, o local vai contemplar a emissão de carteira de viagem para idosos, programação das atividades oferecidas nos centros de convivência da pessoa idosa e grupos de convivência, além de orientações diversas sobre os direitos da pessoa idosa. “A ideia é que o local se torne uma referência para a população idosa londrinense que busca informações sobre seus direitos e os serviços oferecidos para este público”, destacou.

Nádia contou que a emissão de carteiras é um serviço muito procurado, mas que estava funcionando somente nos centros de convivência do idoso (CCIs), tanto da região leste quanto oeste. Até o final de julho, os dois centros emitiram 241 carteiras de viagem. “Os centros vão continuar oferecendo o serviço, mas percebeu-se a necessidade de voltar a atender em um local mas central, com facilidade de acesso aos idosos de todas as regiões da cidade. Era um desejo dos idosos que o prefeito quis atender e também foi uma solicitação feita na última Conferência Municipal do Idoso”, ressaltou.

A secretária lembrou ainda que a Prefeitura tem outras vantagens, como ser um local de acesso rápido, seguro e com várias opções de ônibus que trafegam pela avenida Duque de Caxias, além de ter um sinaleiro de pedestres em frente ao prédio. “Trazendo esta central, facilitamos também para o idoso que busca serviços de outras secretarias, o que permite a ele a resolução de outras possíveis demandas”, frisou.

A diretora de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, Ana Karina Anduchuka Barbosa, contou que  12,73%  dos habitantes de Londrina é formada por pessoas idosas, o que equivale a uma média de 70 mil pessoas com 60 anos ou mais. “Os números comprovam a necessidade da administração se preocupar cada vez mais com o melhor atendimento aos idosos. Portanto, voltar a atender o idoso no prédio da Prefeitura, é demonstrar a preocupação com este público, já que o local tem mais facilidade de acesso”, ressaltou.

Ana Karina contou ainda que os centros de convivência da pessoa idosa vão continuar atendendo aos idosos normalmente. Ela destacou que o CCI Oeste conta com, aproximadamente, 500 idosos inscritos e o CCI Leste, com 400 idosos inscritos.

Reforma – A Secretaria Municipal do Idoso volta a ofertar atendimentos no prédio da Prefeitura, em um ambiente reformado. O local faz parte dos 11 mil metros quadrados que compõem a sede administrativa do Município. O prédio está sendo reformado e modernizado dentro dos projetos desenvolvidos pelo Programa de Modernização da Administração Tributária e Setores Sociais Básicos (PMAT).  A obra teve início em fevereiro de 2016, e deve ser concluída nas próximas semanas.

Ao todo, a Prefeitura financiou R$ 19 milhões junto ao BNDES, com contrapartida de R$ 2 milhões em recursos municipais. Isso perfaz um total de R$ 21 milhões, dos quais R$14.180.400,65 estão sendo destinados ao centro administrativo, e o restante aos outros projetos.

N.com



Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Faça seu comentário