Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Após cumprir todos os requisitos exigidos pela Secretaria de Estado do Esporte, Cambé recebeu os selos ouro e plus do programa Esporte que Queremos. A iniciativa visa regularizar as políticas de práticas esportivas no Paraná para que os municípios possam receber recursos federais através da Lei Geral do Esporte. Das 27 cidades atendidas no escritório regional do Norte do Estado, Cambé é a segunda que alcança o último selo. E das 399 do Paraná, cerca de apenas 50 concluíram todas as etapas.

O programa “O esporte que queremos” é uma realização do Governo do Estado, por meio da Superintendência do Esporte, junto com o Instituto de Pesquisa Inteligência Esportiva da Universidade Federal do Paraná (UFPR). O objetivo foi criar uma estrutura para aprimorar as políticas públicas de auxílio ao esporte, incentivando os prefeitos a proporem uma lei própria no setor, a Política Municipal de Esportes (PME), seguindo a Lei Geral do Esporte. Tudo isso para promover o desenvolvimento esportivo, em um processo contínuo e respaldado por dados, documentos norteadores, capacitação e instituição de programas personalizados.

Com isso, o Governo do Estado separou o programa em quatro etapas: bronze, onde os municípios fazem um mapeamento da estrutura esportiva existente hoje e o Cadastro Esportivo Municipal; prata, onde criam a Política Municipal do Esporte; ouro, com a formalização do Conselho Municipal do Esporte; e plus, após o desenvolvimento do Fundo Municipal do Esporte. Como Cambé cumpriu todos esses requisitos, recebeu o último selo em evento realizado na Prefeitura, das mãos dos coordenadores do escritório regional do Norte do Estado, Vilmar Caus e Adenauer Seressuela.

A secretária municipal de Esportes e Lazer, Telma Gamba, salientou que os certificados significam muito por possibilitar que Cambé receba recursos das esferas estaduais e federais, mas também pela organização que existe hoje no município. “Para nós, não foi apenas um cumprimento de tarefas. Hoje trabalhamos de forma mais organizada, e conseguimos ampliar ainda mais o acesso ao esporte a todos os cambeenses. Atualmente atendemos mais de 4 mil pessoas semanalmente, de forma gratuita, e o nosso objetivo é levar o maior número de pessoas à prática esportiva”.

“O Governo do Estado está padronizando, incentivando, ajudando os municípios a se organizar, e os municípios que se organizam são premiados. E esse recebimento demonstra que Cambé está organizada. Um município que atende mais de 4 mil pessoas por semana, com qualidade e ainda recebe esse certificado só demonstra que estamos fazendo um trabalho muito bem feito. Só tenho a agradecer a minha equipe do esporte, a secretária Telma, ao governador Ratinho Junior e ao escritório regional de esporte do Norte do Paraná. Vamos sempre olhar com muito carinho ao esporte”, destacou o prefeito Conrado Scheller.

O professor Vilmar Caus afirmou que o programa e o feito de Cambé é essencial para mostrar aos outros municípios que precisam estar regularizados perante uma administração pública federal. “Hoje, para receber recursos federais em qualquer esfera, é preciso seguir critérios, e o esporte está indo para esse mesmo caminho. Com a criação da Lei Geral do Esporte, era preciso estabelecer diretrizes e organizar o esporte local para que a distribuição do dinheiro que pode chegar futuramente fosse feita. Cambé já saiu na frente de outras cidades, e vem demonstrando muito comprometimento.”

NCPMC

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.