Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O ano letivo está começando, e os mais de 11 mil alunos dos Centro Municipais de Educação (CMEI) e Ensino Fundamental voltam às aulas nesta segunda-feira (5). Para o início das atividades, professores, diretores e todos os profissionais de educação já estão em formação ao longo dessa semana. E 2024 ainda reserva novidades sobre material escolar, uniformes e fila de espera.

Em torno de 1.400 professores, mais diretores, gestores, coordenadores, docentes, assistentes administrativos, merendeiras e serviços gerais participaram do calendário de formação continuada, promovido pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura, o III Congresso Municipal de Educação, entre os dias 30 e 31 de janeiro e 1 de fevereiro. Além disso, nesta sexta-feira (2), professores, diretores e demais profissionais retornam para as escolas para o dia de planejamento e orientação da retomada das aulas. E na segunda-feira (5), é a vez dos alunos retornarem, já com o começo das aulas regularmente.

“A volta às aulas é um momento especial para nossas crianças e trabalhamos para que seja realmente mágico. Estruturamos nossas escolas municipais e centros de educação infantil, levamos mais segurança, mais condições de trabalho aos professores, temos a melhor merenda do Paraná e em 2024 teremos também o kit escolar, que nunca antes teve em Cambé”, pontuou o prefeito Conrado Scheller.

Material escolar

Desde o último ano, o município de Cambé disponibiliza os materiais escolares para todas as crianças da rede de ensino, através do programa EduCambé. A secretária de Educação e Cultura, Estela Camata, explicou que os kits para 2024 já estão preparados e devem ser distribuídos em breve. “A previsão é que eles recebam já no retorno, na primeira ou segunda semana, o kit escolar e parte do uniforme que ainda tem que ser entregue.”

O kit com material é disponibilizado de acordo com o currículo escolar, conforme o que a criança precisa no ano em que está, desde a educação infantil até o ensino fundamental. Quanto ao uniforme, já foram disponibilizadas as camisetas, e agora os alunos vão receber as bermudas e shorts saia, dependendo da idade. Antes do frio será entregue também o kit de inverno, com camisetas de manga longa e conjunto com calça e jaqueta.

Fila de espera na rede de educação

Estela Camata também diz que a fila de espera de novos alunos foi zerada nas matrículas de novembro, mas com os cadastros de dezembro e janeiro, outras crianças estão esperando uma vaga nas instituições do município, especialmente na educação infantil, de 0 a 3 anos de idade.

“Esse é um processo que não tem fim, porque as crianças nascem todos os dias. A gente zera e começa de novo, é normal. Ainda mais agora com qualidade de ensino, de ambiente, merenda boa, segurança, materiais escolares e uniformes de graça. Tudo isso traz uma tendência para a espera aumentar, ficou mais atrativo. Mas agora, estamos ampliando o atendimento dessas crianças, e a ideia é zerar novamente. Porém, só de não ter a espera já é muito positivo. Historicamente, Cambé sempre teve uma lista na educação infantil de 0 a 3 anos de em torno de 1.000 crianças sem vagas. Evoluímos muito nesse aspecto”, concluiu a secretária.

NCPMC

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.