Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Visando capacitar e orientar empresários locais a participarem de licitações no município, a Prefeitura de Cambé, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, inaugurou na sexta-feira (9) o Escritório de Compras. O serviço faz parte do programa Compras Cambé, e tem o objetivo de aumentar a participação de micro e pequenas empresas, de forma gratuita, nos processos de vendas e disponibilidade de serviços ao poder público municipal. A cerimônia de inauguração contou com a participação do prefeito Conrado Scheller, do vice-prefeito Zezinho da Ração, de vereadores, secretários municipais, servidores, representantes do Sebrae, Associação Comercial e Empresarial de Cambé (ACIC) e empresários.

A secretária municipal de Desenvolvimento Econômico, Lourdes Maçolla, explicou que o atendimento do Escritório de Compras será segmentado, de acordo com as atividades de cada empresário, com a disponibilização de cursos, palestras e também o auxílio presencial, feito por uma servidora, capacitando o empreendedor para participar dos processos licitatórios locais. O serviço será realizado já a partir desta sexta-feira, na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, ao lado da Sala do Empreendedor. Em um primeiro momento, os empresários podem procurar o Escritório de Compras no período da tarde, das 13h às 17h.

 “Muitas vezes, essas empresas não conseguem entrar na concorrência da licitação, por falta de conhecimento ou documentação, coisas fáceis de solucionar. Portanto, vamos buscar qualificar e orientar esses empresários. Isso fortalece a economia local, colabora com o desenvolvimento da cidade, dos empresários, gera mais postos de empregos. E, por outro lado, também traz benefícios para eles também. A Prefeitura é a maior empresa de Cambé. Logo, os empreendedores terão a possibilidade de ampliar o hall de venda deles, aumentando o faturamento e, consequentemente, o crescimento e expansão da empresa”, afirmou.

O prefeito Conrado Scheller salientou que essa é uma valorização com o empresário da cidade que cumpre suas obrigações, deveres, e pode oferecer um serviço de qualidade ao município. “Com o Escritório de Compras visamos incentivar quem já agrega em Cambé. É uma troca, como gostamos de trabalhar aqui. Nossa equipe de trabalho pensa em serviços que fomentam o empreendedorismo, a formação, a desburocratização, melhorias de ações, e lá na frente seremos contemplados com produtos e serviços locais, que nos dá mais confiança por já ser daqui, que fomenta a economia local porque o dinheiro vai ficar aqui. Enfim, todo mundo ganha”, destacou o prefeito.

O projeto ainda foi classificado como um divisor de águas para o empreendedorismo de Cambé, segundo o gerente da regional Norte do Sebrae, Fabricio Bianchi. “Quando você realmente tem esse alinhamento que Cambé tem hoje do executivo com o legislativo e a sociedade civil organizada, gera um grande impacto. Principalmente porque as empresas passam a ter acesso de forma muito convergente com o interesse público, oferecendo para o cidadão os melhores produtos e os serviços com grande qualidade. E o potencial de compra aqui é muito grande. Agora as empresas que não tem conhecimento de como fazer isso, vão ter o Escritório de Compras, vão poder fazer contato direto com a Secretaria, para tirar dúvidas e se preparar para ficar apto a vender para o poder público. Para o município, isso é injeção de dinheiro porque gera emprego, salário, recolhimento de tributos e prosperidade”.

David Garcia, presidente da ACIC, ainda ressaltou que a classe empresarial está em festa porque Cambé saiu na frente mais uma vez, com uma aula de organização para a região. “O Escritório de Compras Pública de Cambé é uma resposta a um anseio antigo da comunidade empresarial, principalmente as micro e pequenas empresas, que precisava desse apoio e desse local para vender produtos e serviços para a Prefeitura. E mais importante, de cambeenses, de empresas cambeenses, e que irão vender para Cambé. Essa conjunção de forças vem em um momento muito bom porque temos uma cidade empreendedora, uma cidade que hoje é destaque estadual, por conta dessa dinâmica que foi criada em Cambé. Esse é um marco importantíssimo para essas empresas que não tinham acesso nenhum para vender ao poder público. Uma valorização ao pequeno empresário”, disse.

Sala do Empreendedor e Sala Digital

Além do Escritório de Compras, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico fornece outro serviço importante para o empresário local: a Sala do Empreendedor. Ativo desde 2014, o serviço também é prestado gratuitamente aos microempreendedores individuais sem funcionário, com palestras de orientação sobre o que é ser MEI, quais os benefícios do MEI, o que contribui para ele e o município, formalização e abertura de CNPJ, parcelamentos, impressão de boletos, declaração de imposto de renda, consultorias em várias áreas durante o ano todo, oficinas, workshops e cursos.

Porém, também a partir desta sexta-feira, será disponibilizado aos empresários do município a Sala Digital. O recurso irá possibilitar um auto atendimento, onde em um primeiro momento terá um servidor para acompanhar e direcionar o empresário, mas com objetivo de agrupar e disponibilizar serviços de forma digital para otimizar o atendimento ao empreendedor, concentrar em um mesmo espaço os serviços oferecidos pelo município e seus parceiros, e também agilizar o contato com a Secretaria, tudo através de um terminal disponibilizado na Sala do Empreendedor.

Segundo a Secretaria, através do equipamento de autoatendimento o usuário terá segurança para imprimir os boletos mensais do MEI, fazer a declaração anual de rendimentos, imprimir o cartão de CNPJ, o Certificado de Condição de MEI, acesso à Certidão Municipal, Estadual e Federal e acesso a oportunidades de compras públicas através do Portal de Transparência do município. Clique aqui e assista ao vídeo que explica o funcionamento da Sala Digital.

Comitê Gestor de Cambé

Lourdes Maçolla ainda realçou que o Escritório de Compras e muitos dos serviços disponibilizados na Sala do Empreendedor surgiu através do Comitê Gestor de Cambé. Em vigor desde 2015, a associação visa desenvolver políticas que auxiliem micro e pequenas empresas, coordenando projetos de inovação que podem ser desenvolvidos e implantados no município. O comitê é formado por membros da Prefeitura, da Câmara Municipal, da Associação Comercial e Empresarial de Cambé (ACIC), empresários, comerciantes e conta com a consultoria do Sebrae.

 “Hoje, mais de 95% das instituições do país são micro e pequenas empresas. E a iniciativa do Escritório de Compras veio através desse Comitê, com o apoio do governo do prefeito Conrado Scheller, que é um entusiasta, motivou e nos incentivou para a criação desse projeto. O Comitê é muito próximo dos empresários, não é algo fechado. Deixamos o convite para todos aqueles que quiserem vir, participar e conhecer quais as ações que fazemos para otimizar alguns serviços para o micro empresário e micro empreendedor”, concluiu Maçolla.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, sede da Sala do Empreendedor e agora do Escritório de Compras e da Sala Digital, fica na Rua França, 84. O horário de atendimento é das 8h30 às 11h30 e das 13h às 17h, e o telefone de contato é o (43) 3174-2660.

NCPMC

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.