Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Bibliotecas iniciam projeto Bibliotecas de Norte a Sul, que visa integrar as atividades valorizando as bibliotecas dos bairros

Na próxima segunda-feira (24), às 14h, a Biblioteca Municipal Eugênia Monfranati (Av. Guilherme de Almeida, 2.260, na zona sul) vai receber um bate-papo com a escritora Isabela Cunha, autora do livro Cianureto. No dia seguinte (25), às 11h, a mesma ação acontecerá na Biblioteca Ramal Lupércio Luppi, que fica na Av. Saul Elkind, 790 (zona norte). A iniciativa marcará a abertura do projeto Bibliotecas de Norte a Sul, que surgiu com o objetivo de realizar atividades culturais, educativas e de formação cidadã nas duas bibliotecas ao mesmo tempo.

Durante os encontros, a autora conversará com os estudantes e a comunidade em geral sobre sua obra, como escrever um livro e a importância das bibliotecas, dos livros e da literatura. De acordo com a responsável pela Biblioteca Lupércio Luppi, Ana Cristina Mischiati, o objetivo do encontro é atuar junto aos jovens, principalmente do ensino médio, abordando a escrita e a leitura. “A Isabela escreveu um livro recentemente e vem atuando na região. Agora, vai utilizar a estrutura da biblioteca para trabalhar a escrita com os jovens, com o tema central da transformação do silêncio em palavra, para instigá-los a escrever também e, na sequência, vai oferecer oficinas de literatura, usando a biblioteca como suporte”, contou Mischiati.

A obra de Cunha contou com o patrocínio do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic), da Prefeitura de Londrina, sendo um trabalho coletivo entre a autora e o artista visual Maikon Nery, que editaram o livro durante a pandemia do Coronavírus. Juntos, eles começaram a produzir o material em 2019 e desde então o artista capturou imagens com uma câmera Lubitel 166b. Esse livro já está disponível para empréstimo.

As escolas e colégios da região que quiserem participar gratuitamente deste encontro podem entrar em contato com as duas bibliotecas, pois em ambas ainda têm vagas. A biblioteca da zona sul funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e tem capacidade para atender até 50 pessoas. Para agendar o horário para o atendimento em grupo basta telefonar para 3372-4853.

Já a biblioteca da região norte comporta até 100 pessoas, sendo que uma turma do Colégio Estadual da região norte já confirmou a presença, com 25 estudantes. Caso mais unidades escolares quiserem participar deve telefonar para o 3329-0316, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. “Queremos retomar a movimentação nas bibliotecas, que passaram muito tempo fechadas em virtude da pandemia. Assim, a comunidade está convidada para vir conhecer o Centro Cultural Lupércio Luppi, o acervo da nossa biblioteca e usar esse espaço comunitário, onde temos 25 mil itens atendendo desde crianças pequenas aos adultos, com livros de autores londrinenses e paranaenses, obras para vestibular da UEL e para o Enem, e em paralelo a isso está acontecendo uma exposição do Gabriel Garcia Marques com suas obras de destaque e livros de autores latino-americanos”, convidou Mischiati.

Sobre o projeto – projeto Bibliotecas de Norte a Sul procura divulgar as Biblioteca Lupércio Luppi e Biblioteca Eugênia Monfranati, que são espaços de preservação do patrimônio intelectual, literário, artístico e científico da sociedade, além de locais que contribuem com a formação da cidadania.

De acordo com a bibliotecária e gestora pública da Biblioteca Eugênia Monfranati, Letícia Baptista Pires, a ideia foi considerar as duas regiões da cidade, a norte e a sul, e difundir a existência das duas bibliotecas que estão em localizações estratégicas. “O projeto norte a sul faz parte das atividades Semana Nacional do Livro e da Biblioteca, realizada pelo Sistema de Bibliotecas Públicas do Município de Londrina, e visa a valorização das bibliotecas dos bairros, pensando em promover um diálogo entre essas instituições e dar força ao trabalho realizado em rede”, contou Pires.

Durante a próxima semana, ambas participarão da Semana Nacional do Livro e da Biblioteca, que acontecerá de 23 a 29 de outubro, em Londrina, através do Sistema de Bibliotecas Públicas do Município de Londrina. O lançamento do projeto é uma das diversas atividades da semana nacional. Além disso, elas farão a “Exposição Gabo” com os autores latino-americanos, expondo as obras de seus acervos concomitantemente.

No dia 27, às 11h, a biblioteca da região norte vai receber um debate sobre a vida e obra jornalística de Gabriel Garcia Marques, com a jornalista, pós-doutora e doutora em Estudos Portugueses de Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa, Maria Cecília Guirado de Carvalho. No local estarão em destaque as principais obras dos autores latino-americanos e, em especial, o livro 100 anos de solidão, que também está disponível para empréstimo.

NCPML

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.