Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Serão concedidas bolsas de estudos para os selecionados; interessados devem se inscrever até dia 24 de fevereiro pelo número de WhatsApp (43) 99683-0002

A Escola Municipal de Dança, da Fundação Cultura Artística de Londrina (Funcart), está com inscrições abertas para o processo seletivo do 1° ano do Curso Regular de Ballet Clássico, que inclui a oferta de bolsas de estudo parciais.

Os interessados em participar devem se inscrever até o dia 24 de fevereiro, pelo número de WhatsApp (43) 99683-0002 ou presencialmente, na sede da Funcart, que fica na Rua Senador Souza Naves, 2.380.

As 60 bolsas de estudo são destinadas a alunos da rede pública de ensino nascidos entre os anos de 2012 e 2015, ou seja, que tenham de 8 a 11 anos de idade. Com elas, o estudante pagará R$ 35,00 por mês, sendo que a mensalidade integral custa R$ 130,00.

Para se inscrever e concorrer à bolsa parcial de estudos, os alunos da rede pública de educação precisam enviar um comprovante de matrícula. O desconto no valor da mensalidade foi possível dada a parceria com a Prefeitura do Município de Londrina, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (SMC).

Segundo a coordenadora da Escola de Dança de Londrina, Luciana Lupi, o curso regular de ballet já começou, mas o processo seletivo que escolherá os novos alunos será feito após o carnaval. “O processo seletivo leva em conta as aptidões físicas para o ballet, como a flexibilidade, força, coordenação, musicalidade, equilíbrio e a conformação de pés e pernas. O curso tem duração de, no mínimo, oito anos, mas algumas crianças precisam de nove e até 10 anos para se formarem”, explicou.

Os aprovados na seleção serão divididos em seis turmas diferentes, sendo quatro delas com aulas na sede da fundação (Rua Senador Souza Naves, 2.380) e as outras duas na unidade da zona norte, que fica na Avenida Alexandre Santoro, 440.

Durante as aulas, que são realizadas três vezes por semana, serão ensinados os conceitos introdutórios do ballet clássico. De acordo com Lupi, os professores das atividades são todos experientes e dão aulas na Funcart há muitos anos. São eles: Cláudio de Souza, Eduarda Nishikawa, Marciano Boletti, Rosângela Homem e Thayná Rodrigues.

No ano passado, a Funcart realizou o projeto Dança nas Escolas, em que quatro unidades receberam cerca de 80 bolsas integrais de estudo para os alunos. Participaram do projeto em 2022 as escolas municipais David Dequech, Professor Juliano Stinghen, Francisco Pereira de Almeida Júnior e Joaquim Pereira Mendes.

NCPML

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.