Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Realizada pelo Coletivo Espaço Nave, sessão Abdusom selecionará quatro bandas ou artistas locais que serão o tema de vídeos produzidos para o YouTube

Artistas e grupos musicais de Londrina têm uma excelente oportunidade para divulgar seu trabalho. A sessão Abdusom está com inscrições abertas para a produção e veiculação gratuita de vídeos de apresentação de bandas e músicos da cidade e região.

O projeto é uma produção do Coletivo Espaço Nave, e é uma das iniciativas selecionadas pela Secretaria Municipal de Cultura (SMC) para receber recursos financeiros do Governo Federal, por meio da Lei Paulo Gustavo.

As inscrições vão até o dia 26 de março. Para se candidatar, basta preencher e enviar o formulário que consta neste link. As propostas podem ser individuais ou coletivas, e devem ser compostas por músicas autorais dos artistas. Os resultados da seleção serão divulgados via e-mail em 2 de abril.

É importante destacar que o coletivo priorizará as inscrições de músicos de Londrina e região, mas a iniciativa também é aberta a artistas de outras cidades e estados. Nesses casos, porém, não serão cobertos os custos de viagens. “Nós achamos oportuno que pessoas de outros lugares se inscrevam, para conhecermos o que está rolando por aí. Além de proporcionar o intercâmbio cultural, essa é uma oportunidade de convidar esses artistas para participar de outras ações da Espaço Nave, além do Abdusom”, conta Lara Moratto, uma das idealizadoras do coletivo.

Este ano, a sessão selecionará, através do edital, quatro bandas ou músicos, que serão o tema de vídeos gravados e disponibilizados no canal do Youtube Espaço Nave. O material será produzido em formato de live-sessions (sessões ao vivo), com a performance de três músicas autorais pelas bandas/artistas. Além da produção do material audiovisual, os artistas terão direito a uma sessão de fotos e ao lançamento de seus produtos por meio das redes sociais do projeto e no YouTube. Todos os materiais produzidos serão entregues gratuitamente aos artistas, fazendo parte do portfólio dos escolhidos. Atualmente, o Abdusom já conta com 13 episódios gravados.

Todas as gravações serão realizadas no Coletivo Espaço Nave, nos dias 21 de abril e 19 de maio, e poderão ser assistidas ao vivo e gratuitamente pelo público, mediante a retirada dos ingressos pela internet. Os horários, locais e a forma de disponibilização dos ingressos ainda serão divulgados pelos perfis do coletivo nas redes sociais.

Após a conclusão do projeto, os quatro episódios gravados na sessão Abdusom serão exibidos no Youtube e, posteriormente, na Concha Acústica de Londrina. Todas as exibições serão gratuitas e contarão com o apoio do Cine Cequinha. O evento de lançamento oficial vai ser no segundo semestre de 2024, em data ainda a ser divulgada.

Histórico

O Coletivo Espaço Nave iniciou seus projetos em junho de 2019. Segundo Lara Moratto, cada um dos seus integrantes atua com diferentes especialidades artísticas, mas o cerne do projeto é a música. Atualmente, Moratto leciona e trabalha com produções na área musical, mas também atua na produção cultural.

“Já no início da Nave, tínhamos muitas vertentes de atividades, como música, fotografia, artes visuais e produção cultural, entre outras. Então pensamos: ‘por que não unirmos todas as nossas potências em um projeto audiovisual?’. Essa foi uma das ideias-sementes do Abdusom”, enfatiza.

Tendo sido lançado de maneira independente em janeiro de 2020, o Abdusom busca proporcionar materiais de divulgação de qualidade a grupos e artistas que estão no início de suas carreiras na cena musical. Dessa forma, a iniciativa visa contribuir para o enfrentamento das dificuldades existentes na execução dos primeiros portfólios e materiais de apresentação pelos artistas independentes.

Outras informações e novidades do projeto são divulgadas no perfil de Instagram do Coletivo Espaço Nave.

Manu Barioni/NCPML

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.