Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Prazo para recursos termina na sexta-feira (30), às 23h59; para recorrer, candidatos devem acessar formulário específico na página da Secretaria de Cultura, no portal da Prefeitura

A Secretaria Municipal de Cultura divulgou, na última sexta-feira (23), o resultado preliminar do Edital 003/2022 do Programa Municipal de Incentivo à Cultura (Promic), no Jornal Oficial do município nº 4735. Este edital é voltado exclusivamente para a Seleção de Projetos Independentes de Bolsas de Estudo, Pesquisa, Criação Artística e Cultural. Os candidatos desclassificados terão o prazo máximo de 5 dias úteis para encaminharem os recursos e pedirem a reavaliação dos projetos apresentados à Comissão de Análise de Projetos Culturais (CAPC) com todos os documentos sinalizados. Após a conclusão do processo, as iniciativas selecionadas receberão uma bolsa, cujo valor varia entre R$ 20 mil e R$ 40 mil.

De acordo com a diretora de Incentivo à Cultura da Secretaria Municipal, Sonia Regina Aparecido, todos os casos de recursos devem ter, necessariamente, seus registros entregues à CAPC até o dia 30 de setembro, para que as solicitações sejam analisadas a tempo. “Os proponentes terão este prazo máximo para apresentarem os recursos através de um formulário específico disponibilizado na página da Secretaria de Cultura, no Portal da Prefeitura, e de lá eles serão encaminhados para a plataforma Londrina Cultura. Após o envio, os candidatos devem aguardar até que as reconsiderações sejam feitas. Só serão permitidos os documentos entregues até as 23h59 da próxima sexta-feira”, contou. Para conferir quais projetos se classificaram e quais podem pedir recurso, acesse aqui o edital.

Este chamamento, lançado em maio deste ano, disponibilizou a quantia de R$ 1,02 milhão, que será distribuído entre 38 projetos, a serem executados entre 2022 e 2023. Além disso, os projetos foram subdivididos em cinco linhas: Circulação/Difusão; Criação/Produção; Economia Criativa; Formação de Agentes Singulares e Programa Carnaval Popular. “Cada um dos segmentos tem um objetivo específico, e a linha que mais receberá bolsas será a de Criação, que prevê a realização de obras inéditas aqui em Londrina. Para a linha de projetos para Circulação, serão destinadas nove bolsas com o intuito de difundir processos criativos que já existem pela cidade”, explicou o assessor da SMC e coordenador do Programa Fábrica – Rede Popular de Cultura, Valdir Grandini.

Ele também destacou que as demais categorias somam outras 10 bolsas de incentivo, e que a classificação no edital preliminar não garante que o projeto será selecionado ao fim do processo. “Conforme o que foi publicado no edital original, serão contempladas as proposições que tiverem as melhores notas junto à Comissão de Análise de Programas e Projetos Estratégicos (CAPPE). A comissão aplicará uma pontuação para cada critério, sendo a pontuação máxima de 100 pontos. E, após essa etapa, será publicado edital preliminar indicando a pontuação e classificação dos projetos. Na sequência, após a fase de recursos, haverá a primeira convocação, quando serão selecionados projetos até o limite da verba orçamentária disponibilizada pelo edital”, apontou Grandini.

Através deste chamamento, diversas áreas culturais serão contempladas, como as artes de rua; artes plásticas; artes gráficas; artesanato; cultura popular; circo; dança; música; teatro; fotografia; literatura; mídia; patrimônio cultural e natural; hip hop; cinema e videografia. “Esses editais nos demonstram que, em Londrina, há muita arte e cultura sendo desenvolvida e que, através dos incentivos, podemos contribuir para que essa cultura cresça cada vez mais. Esse é o caso do programa de Carnaval Popular, por exemplo, que prevê blocos de ruas e muitos outros projetos para que o Carnaval de Londrina desperte interesse e gere público não apenas local, mas que também atraia pessoas da região”, finalizou coordenador da Fábrica.

Ana Almeida/NCPML

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.