Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Período para apresentação de recursos vai até segunda-feira (25) e o resultado final está previsto para ser publicado no início de abril

Com 89 propostas inscritas no primeiro edital de 2024, o Fundo Especial de Incentivo a Projetos Esportivos (Feipe) habilitou, provisoriamente, 82 projetos concorrentes ao incentivo financeiro concedido pela Prefeitura de Londrina, por meio da Fundação de Esportes (FEL). O resultado preliminar está disponível para acesso no Jornal Oficial do Município, edição 5.146, publicado na última quarta-feira (20), e também no site da FEL. Além dos projetos inicialmente habilitados, a lista traz aqueles inabilitados e as respectivas justificativas.

Foram 82 projetos habilitados nesse primeiro momento, entre os programas Adulto, Juventude, Paradesportivo, Alternativos, Master e Ligas, e outros sete ficaram inabilitados, conforme as regras de concorrência do certame. Do total de 90 oportunidades para modalidades esportivas contempladas pelo edital, 11 ficaram desertas, ou seja, sem inscrições.

Em alguns dos segmentos há concorrência para as vagas abertas, o que significa que nem todos os projetos habilitados serão selecionados para receber o fomento do Feipe em 2024, devendo ser respeitada a classificação dos mesmos.

Todos os projetos participantes foram analisados pela Comissão de Elaboração e Análise e pelo Conselho Administrativo da FEL (CAFEL). O total de habilitados nessa fase do Feipe 2024 é superior aos 63 projetos aprovados preliminarmente no edital de 2023, antes do resultado final com os projetos selecionados, que será publicado no começo de abril.

As entidades cujas propostas tenham sido inabilitadas contam com prazo de cinco dias corridos para interpor recurso, contados da publicação do resultado preliminar, ou seja, até a próxima segunda-feira (25).

A fundamentação das justificativas deve ser feita conforme o modelo presente no edital, com protocolo do recurso enviado pelo Sistema Eletrônico de Informações (SEI) da Prefeitura, no mesmo processo encaminhado para a apresentação da proposta no Edital 01/2024. Os recursos serão apreciados pela comissão técnica e julgados pela diretoria da Fundação de Esportes de Londrina.

Para o presidente da FEL, Marcelo Oguido, a adesão ao primeiro edital do Feipe é expressivo e reforça a capacitação das instituições que atuam com o esporte em Londrina. “Fico muito feliz em ver tantas equipes interessadas, sendo que grande parte poderá ser contemplada com os recursos do programa. Mais uma vez, a participação crescente mostra que os proponentes estão mais preocupados em acertar seus projetos para inscrevê-los no Feipe. Temos neste ano investimento recorde de quase R$ 7 milhões, que nos anima para alcançarmos melhorias em termos de atendimento no esporte, no lazer e nos jogos oficiais”, afirmou.

NCPML

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.