Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Objetivo é que obras tenham início no começo do ano que vem e sejam entregues em dezembro de 2024, quando a cidade completará seu 90º aniversário

Em seu aniversário de 89 anos, celebrado no domingo (10), Londrina recebeu uma excelente notícia na área ambiental: a parte interna do Parque Municipal Arthur Thomas receberá uma grande revitalização, que será entregue em dezembro de 2024, durante as comemorações dos 90 anos do município.

A apresentação do projeto foi feita na manhã de hoje, durante uma solenidade realizada no próprio parque, localizado na Rua da Natureza, 155, Jardim Piza (região sul). Contando com a presença de diversas autoridades (confira lista abaixo), as celebrações foram abertas com a execução do Hino de Londrina, pela cantora Maria Mendonça, e também tiveram a participação do Coro Voz Viva e da Banda Marcial da Guarda Mirim de Londrina.

Além da divulgação do projeto de revitalização do Parque, também foi revelada a logomarca do aniversário de 90 anos de Londrina, elaborada pela designer gráfica Jéssica Watanabe Romero, que venceu o concurso cultural para a criação dessa representação visual. A comemoração incluiu, ainda, o plantio da centésima milésima muda de árvore plantada desde o início da administração do prefeito Marcelo Belinati, em 2017.

O prefeito Marcelo parabenizou Londrina por seu aniversário, e destacou que a maior riqueza da cidade, e a razão da sua grandeza, é a população londrinense, em toda a sua diversidade.

“Vivemos hoje um momento muito especial, em que Londrina tem se desenvolvido e crescido de forma sustentável e equilibrada, mantendo a qualidade de vida da população e sendo uma grande referência para as outras cidades brasileiras. O evento de hoje foi feito exatamente para marcar esse momento, e estamos muito felizes por anunciar a reforma da parte interna do Parque Arthur Thomas porque ele é um verdadeiro tesouro da nossa cidade. Já iniciamos as obras na área externa da unidade, e o projeto entregue hoje vem complementar a revitalização dessa maravilha que a natureza nos deu. Londrina é realmente privilegiada por contar com um parque dessa magnitude em sua área urbana”, afirmou o prefeito.

Conforme o presidente do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel), Alex Canziani, Londrina foi construída com base na colaboração, dedicação e empenho de todas as pessoas que para cá vieram ou nasceram aqui. Canziani frisou que, em 2022, o Parque Municipal Arthur Thomas foi escolhido pela população como o marco do aniversário dos 90 anos de Londrina, e a revitalização vem em resposta a essa demanda.

 “O Parque Arthur Thomas é um belo ativo que Londrina tem, especialmente em um momento em que as pessoas estão falando cada vez mais sobre as questões do meio ambiente e da sustentabilidade. Quando olhamos para as grandes cidades do Brasil e do mundo, elas sempre têm parques que são frequentados pelas pessoas e pelas famílias nos fins de semana. Por isso, temos que fazer com que esse espaço fantástico seja aquilo com que sonhamos e aquilo que Londrina merece”, sublinhou.

Mais de R$ 10 milhões em melhorias

Somando as intervenções na parte externa do Parque, e o projeto de revitalização da área interna anunciado hoje, mais de R$ 10 milhões serão investidos nas obras realizadas no local.

Iniciados em setembro, os trabalhos no entorno da unidade abrangem a troca do cercamento de alambrado por palitos de concreto, implantação de iluminação em LED e construção de corredores subterrâneos para a passagem da fauna entre o Parque e seu anexo, entre outras ações. Os recursos para essas obras, no valor de R$ 5.396.824,83, são oriundos do Fundo Municipal do Meio Ambiente, gerido pelo Conselho Municipal do Meio Ambiente (Consemma).

Já as melhorias realizadas no interior do espaço terão um investimento de cerca de R$ 4,67 milhões, sendo R$ 4 milhões destinados pela Itaipu Binacional, através de sua iniciativa de financiamento de projetos de cunho socioambiental, e R$ 670 mil como contrapartida do Município. No momento, a Prefeitura finaliza os trâmites burocráticos referentes à licitação que irá contratar a empresa responsável pelas obras, prevista para ocorrer em janeiro. A estimativa é que os trabalhos comecem em março, e o projeto envolve diferentes órgãos como as secretarias municipais do Ambiente (Sema) e de Obras e Pavimentação (SMOP), o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (Ippul) e o Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel).

As intervenções a serem executadas incluem a recuperação de trilhas, alargamento de calçadas e construção de ciclovia, reconstrução de tubulação de drenagem, reforma do restaurante da unidade, reconstrução de duas pontes de madeira, instalação de corrimãos e guarda-corpos e implantação de 11 marcos de distância.

O projeto também inclui a instalação de oito bebedouros, implantação de sinalização e comunicação visual, construção de sanitários, implantação de academia ao ar livre e de playground, colocação de iluminação nas trilhas e as reformas do Mirante da Cachoeira, Centro de Educação Ambiental e Espaço Ipê. Será feita, ainda, a implantação de ilhas de descanso e de novos mobiliários urbanos.

De acordo com o secretário municipal do Ambiente, Ronaldo Siena, existe uma expectativa muito significativa da população londrinense em relação ao parque. Siena lembrou que a unidade foi bastante danificada pelas tempestades de 2016 e que, por conta da pandemia de Covid-19, havia ficado fechada entre março de 2020 e janeiro de 2022, tendo sido reaberta em condições não ideais. “O nosso objetivo com essas obras é que o parque volte a ser um lugar para viver momentos marcantes, como era antigamente, com os pedalinhos e a lanchonete. Queremos reforçar ainda mais o seu papel como um ponto turístico de Londrina, e que também atrai visitantes e escolas de outras cidades da região. Tudo isso traz mais qualidade de vida e lazer para a população”, disse.

O secretário municipal do Ambiente salientou que, entre as metas do projeto, está tornar o Parque Municipal Arthur Thomas um local mais acessível para as pessoas com deficiências. “O Centro de Atendimento ao Visitante vai recepcionar as pessoas e fornecer informações para que elas se familiarizem com as espécies da fauna e flora que temos aqui no Parque. Pretendemos também que esse local inclua recursos de acessibilidade, como por exemplo bonecos ou esculturas realistas representando os animais, que possam ser tateados pelas pessoas com deficiências visuais, para que elas também conheçam as características da fauna”, realçou.

Segundo o gerente de Parques e Biodiversidade da Sema e presidente do Consemma, Jonas Pugina, a revitalização do Parque é fundamental porque a unidade nunca recebeu um conjunto de obras dessa amplitude.

“Isso vai garantir, durante as próximas décadas, um conforto maior aos visitantes, assim como uma melhoria da qualidade ambiental e mais segurança para a nossa fauna e para as pessoas que vêm aqui. Ter um parque de excelência na cidade é uma forma de estimular a consciência ambiental da população, porque aqui são inclusive oferecidas diversas atividades de educação ambiental para estudantes e outros visitantes”, concluiu.

Autoridades presentes

Participaram da solenidade o vice-prefeito de Londrina, João Mendonça; o chefe de gabinete da Prefeitura, José Otávio Sancho Ereno; os secretários municipais de Educação, Maria Tereza Paschoal de Moraes, de Cultura, Bernardo Pellegrini, de Gestão Pública, Fábio Cavazotti, e de Agricultura e Abastecimento, Régis Choucino; e os presidentes do Ippul, Gilmar Domingues Pereira, e da Cohab Londrina, Bruno Ubiratan.

Também compareceram o ouvidor-geral do Município, Alexandre Sanches Vicente; o presidente da Associação Comercial e Industrial de Londrina (Acil), Ângelo Pamplona; o diretor de Operações da Londrina Iluminação, Alexander Farias Fermino; o presidente do Conselho Municipal de Educação de Londrina, João Marcos Machuca de Lima; a presidente da Governança Londrina Inteligente, professora Cristianne Cordeiro; e os empresários J.B. Faria, da Rádio Paiquerê, e Nicolás Mejía, do grupo Folha de Londrina.

NCPML

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.