Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Celebração no próximo domingo (11) deve levar milhares de foliões ao CSU da Vila Portuguesa

A Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), responsável por organizar o comércio ambulante em Londrina, realiza nesta terça (6) e quarta-feira (7), das 8h às 17h, o cadastramento dos trabalhadores interessados na venda de produtos no Centro Social Urbano (CSU) da Vila Portuguesa no próximo domingo (11), das 9h às 20h, durante as comemorações do Carnaval 2024.

O edital de chamamento oferece um total de 12 vagas. Para as cinco autorizações destinadas à modalidade food truck ou trailer, cuja taxa de exploração comercial será de R$ 570,15, cada espaço terá dimensões de 2,5m. x 7m, resultando em 17,5m². Já na categoria carrinho manual, em que o investimento ficará em R$ 293,22, as sete licenças disponíveis darão direito à ocupação de uma área de até 3m x 3m, somando 9m². A depender da procura e a critério da CMTU, novos lugares poderão ser ofertados.

Ainda segundo o edital, poderão ser comercializados sucos industrializados, refrigerantes, água mineral e produtos alimentícios. Não será permitida a venda de itens derivados do tabaco. A autorização para o comércio de bebidas alcoólicas, como chope artesanal, será emitida apenas para a categoria food truck. A CMTU não irá fornecer energia elétrica ou materiais para a montagem de barracas.

Procedimento 

 Para se candidatar a uma das credenciais reservadas aos vendedores em carrinhos manuais, os interessados deverão apresentar, no setor de atendimento da CMTU, que funciona na rua Professor João Cândido, nº 1.213, o requerimento de participação no chamamento público; cópia da cédula de identidade e CPF ou carteira de motorista; comprovante de residência em Londrina; além de cópia da licença sanitária para comércio de alimentos, quando for o caso.

A documentação exigida para a inscrição na modalidade food truck ou trailer inclui o requerimento preenchido em nome da pessoa jurídica; cópia do documento de identificação; cópia do cartão CNPJ da empresa; comprovante de residência atualizado; cópia da licença sanitária, quando se tratar de produto alimentício; cópia do documento 2023 do veículo utilizado na atividade; carta de anuência do proprietário do automóvel, com firma reconhecida, caso o veículo esteja em nome de terceiros.

Seleção 

Após o fim do período de credenciamento, as solicitações protocoladas serão analisadas pela Coordenadoria de Controle de Espaço Público. Caso a documentação esteja de acordo com os requisitos exigidos, o proponente receberá um número para participação no sorteio que definirá os comerciantes selecionados e a ordem de escolha dos espaços de venda.

O sorteio será realizado em sessão pública, na sede da CMTU, às 14h da próxima quinta-feira (8). Embora a participação dos solicitantes não seja obrigatória, se faz importante a presença dos interessados para o acompanhamento e escolha do local. Não estando presente, pessoalmente ou representado por procurador, a seleção da área será definida pela CMTU.

Na sequência do sorteio, os contemplados receberão o boleto para pagamento das taxas de R$ 570,15 ou R$ 293,22. Definido segundo o Código Tributário Municipal, Lei nº 7.303/97, os montantes incluem a cobrança de licença de comércio ambulante, mais a tarifa de autorização para ocupação de áreas públicas. A retirada da autorização será feita na sexta-feira (9), e se dará mediante apresentação do comprovante de pagamento.

Para o diretor de Operações da CMTU, Alvaro Nascimento, o credenciamento dos vendedores irá contribuir com a organização da folia no CSU, conhecido também como “Buracão”. Ele considera que, além de oferecer opções de alimentação e hidratação durante a festividade, o procedimento da companhia ainda representará oportunidade de trabalho e renda pra diversos londrinenses.

“Acreditamos que, com essa iniciativa, todo mundo sairá ganhando. A experiência de organização do comércio ambulante em áreas públicas, como ocorre no Londrinatal às margens do Igapó, tem se mostrado bastante positiva para clientes, comerciantes e o Município”, afirma o diretor.

Para obter mais informações sobre o edital de chamamento, os requisitantes podem entrar em contato com a CMTU pelo telefone (43) 3379-7922, das 8h às 17h.

NCPML

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.