Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Plano estratégico de longo prazo, conhecido como Masterplan, foi elaborado por uma consultoria externa contratada pela Prefeitura

Durante a sessão plenária da terça-feira (6) da Câmara de Londrina, foram apresentadas informações sobre o processo de condução do Masterplan Londrina 2040, com algumas das ações que estão sendo ou serão colocadas em prática nos próximos anos. Este plano estratégico de longo prazo, contratado em 2020 pela Prefeitura de Londrina, foi elaborado pela consultoria MacroPlan Prospectiva, Estratégica & Gestão. Ele estabelece os principais problemas da cidade a serem superados e define estratégias para as próximas duas décadas. A iniciativa de trazer o tema para o Legislativo partiu da vereadora Lu Oliveira (PL), que convidou o secretário municipal de Governo e procurador-geral do Município, João Luiz Esteves, e o executivo do Masterplan, Diego Rigon Menão.

Segundo João Luiz Esteves, com base no diagnóstico e nas ações apontadas no plano, as secretarias municipais tiveram de fazer um planejamento estratégico de curto, médio e longo prazo. Em entrevista concedida a jornalistas, ele afirmou que algumas medidas já constam nos projetos de leis complementares ao Plano Diretor que tramitam no Legislativo.

“Nós constatamos, e o Masterplan ajudou nisso, que temos muitas pessoas, muitos jovens trabalhando com tecnologia da informação. Essa juventude, que está crescendo bastante em Londrina, precisa de moradia. Muitos moram sozinhos ou é um casal sem filhos. É necessário esse pessoal ter onde morar. E tem que morar perto dessas empresas. Por exemplo, na Lei de Uso e Ocupação do Solo e na Lei de Parcelamento nós estamos prevendo incentivos para que tenha esse tipo de empreendimento imobiliário no Centro de Londrina, aumentando o potencial construtivo das moradias do Centro. Estamos ainda com um processo de revitalização do Centro. Tudo isso está ligado e conectado. Estamos ainda possibilitando que aqueles escritórios que não funcionam mais, porque o pessoal está trabalhando em casa, virem apartamentos”, exemplificou o secretário de Governo.

Responsável pela gestão do plano estratégico, Diego Rigon Menão afirmou que o Masterplan foi produzido a partir de consulta pública que envolveu aproximadamente mil pessoas, incluindo representantes do poder público, empresários, organizações do terceiro setor e a população em geral. “O Masterplan é um plano de Estado e não de governo. Nossas próximas quatro gestões terão o Masterplan como ferramenta oficial para nortear as políticas públicas”, enfatizou Menão, que responde pela intermediação entre os órgãos e secretarias do poder público e as entidades da sociedade civil organizada. De acordo com a vereadora Lu Oliveira, o Masterplan será uma ferramenta importante para direcionar o trabalho dos vereadores desta e das próximas legislaturas.  “Vamos explorar o Masterplan. O que tem dentro do Masterplan, o que eu, enquanto legisladora, ainda posso fazer? Quais são os projetos que estão em conformidade com o Masterplan?”, questionou.

Onde encontrar

O Masterplan é composto por diversos documentos e pode ser acessado pelo site www.2040.londrina.pr.gov.br

Asimp/CML

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.