Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Programação inclui diversas atividades relacionadas à alimentação saudável, agricultura urbana, preservação ambiental e educação, realizadas em diferentes locais da cidade

A Prefeitura de Londrina, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (SMAA) e instituições parceiras, realizará a Semana Municipal da Alimentação entre os dias 16 e 21 de outubro. O objetivo é promover ações integrativas relacionadas à segurança alimentar e nutricional, reaproveitamento de água e cuidados com o meio ambiente. A solenidade de abertura acontecerá na segunda-feira (16), às 8h30, no auditório da Prefeitura, que fica na Avenida Duque de Caxias, 635, com a presença dos secretários de Agricultura e Abastecimento, Regis Choucino, e de Educação, Maria Tereza Pachoal de Moraes.

Durante a abertura, serão entregues medalhas, lembrancinhas e certificados de destaque a cinco estudantes da rede municipal pelo brilhante desempenho na produção de um texto dissertativo sobre o tema “Alimentação Saudável”. Cada aluno também receberá um tablet de presente, cedido pela Companhia de Tecnologia e Desenvolvimento de Londrina (CTD), enquanto ação de contrapartida social. A produção de texto foi efetuada durante a 3ª avaliação de Língua Portuguesa, realizada por todos os alunos do 5º ano da rede municipal. A proposta de produção desse texto integra conteúdos de Língua Portuguesa e Ciências.

De acordo com o secretário de Agricultura, a abertura do evento acontecerá no Dia Mundial da Alimentação, celebrado anualmente em 16 de outubro, desde 1981. “Nesta data, no ano de 1945, foi fundada, no Quebec (Canadá), a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO). Essa instituição tem como missão aumentar os níveis de nutrição e a qualidade de vida da população, melhorar a produtividade na agricultura e as condições de vida dos moradores da zona rural”, informou Choucino.

Segundo o secretário, o tema do evento deste ano é “Água é vida, água é alimento. Não deixar ninguém para trás”. “Este tema chama a atenção para a importância da água na alimentação e na vida das pessoas. Dentro deste contexto, centenas de eventos e iniciativas reúnem governos, municípios, empresas, público e jovens, para chamar a atenção para a fome e promover ações efetivas que garantam um futuro para a alimentação, as pessoas e o planeta. Juntos, podemos criar um futuro mais sustentável para todos”, afirmou.

De acordo com a diretora de Abastecimento da SMAA, Amanda Cristina Andrello Costa, o público do evento será variado, buscando atender a comunidade como um todo. “Participarão alunos da rede municipal de educação, estudantes dos cursos técnicos da rede estadual, idosos que frequentam os Centros de Convivência, mulheres que participam das atividades junto à Secretaria da Mulher e munícipes frequentadores da Feira Pública de Produtos Orgânicos. Também estará presente a comunidade que participa do Programa Agriurbana, por meio das hortas comunitárias, e os agricultores familiares que estão inseridos nos projetos de Economia Solidária. Buscamos ramificar as ações o máximo possível, para que um público variado possa usufruir desta semana tão repleta de informações importantes”, disse.

Programação

A programação da semana inclui diversas atividades relacionadas à alimentação saudável, agricultura urbana, preservação ambiental e educação. As atividades serão realizadas em diferentes locais da cidade, incluindo escolas, auditórios e espaços públicos.

Dentre elas, acontecerá a 3ª Mostra de Hortas Escolares, uma exposição que contará com fotografias das hortas escolares do município, bem como a apresentação de uma horta geodésica construída com bambu, e exemplares de hortaliças, plantas medicinais, aromáticas e condimentares cultivadas nesses espaços. A mostra ficará no hall de entrada da Prefeitura.

Haverá ainda a 2ª Mostra de Hortas Comunitárias, também no hall de entrada da Prefeitura, exibindo projetos do Programa Municipal de Agricultura Urbana e Periurbana; atividades de formação para professores que desenvolvem o Projeto Hortas Escolares em suas unidades escolares; e oficinas, palestras e outras atividades. Clique aqui para ter acesso a toda programação.

NCPML

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.