Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O deputado estadual Cobra Repórter (PSD) apresentou ontem (14), na Assembleia Legislativa do Paraná, um requerimento solicitando a aprovação pelo plenário de Voto de Louvor ao governador Ratinho Junior pela decisão de manter o modelo das Escolas Cívico-Militares em funcionamento no Estado.

No dia 12 de julho, o Governo Federal anunciou a decisão de suspender todas as escolas cívico-militares no país, no entanto, em decisão histórica, o Governo do Paraná decidiu manter o modelo considerado superior para a educação pública e que atende ao apelo da maioria das famílias paranaenses.

“É com grande satisfação e orgulho que proponho uma homenagem ao governador Ratinho Junior, por sua louvável decisão, que garante a manutenção do modelo de Escola Cívico-Militar nas escolas administradas pelas Forças Armadas no Estado do Paraná, diante do anúncio do Governo Federal de encerramento do Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares no Brasil”, justifica o deputado Cobra Repórter.

No Paraná, além das 12 escolas sob responsabilidade das Forças Armadas, a rede estadual conta com 194 instituições de ensino cívico-militares, que consolidam o Estado como mantenedor de uma das melhores educações da América Latina, estando em 1º lugar do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) do ensino médio, conforme resultados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

O deputado ressalta ainda que o modelo cívico-militar é o preferido pela maioria das famílias paranaenses que querem ver seus filhos estudando em escolas neste padrão, onde impera a disciplina, a moral e os bons princípios. “Por isso, conclamamos meus colegas deputados a apoiarem o requerimento garantindo o Voto de Louvor ao governador que, de forma firme garante o atendimento do interesse público objetivando o bem comum para o futuro da sociedade paranaense”, finaliza Cobra Repórter.

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.