Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) assinou o contrato da obra de conservação e manutenção de 434,46 quilômetros de rodovias estaduais das regiões Norte e Vale do Ivaí, um investimento de R$ 40.566.460,79 que vai beneficiar mais de 900 mil habitantes de 23 municípios, além dos condutores de longa distância que trafegam pelas duas regiões.

A contratação é parte do programa de conservação Proconserva, que prevê serviços de remendos profundos e superficiais, fresagem, reperfilagem, selagem de trinca, melhorias no sistema de drenagem e na sinalização horizontal. As rodovias contempladas são administradas pela Superintendência Regional Norte do DER/PR, recebendo a denominação Lote D Norte no programa. O prazo de execução será de 365 dias.

Este lote inclui a PR-445 de Londrina a Mauá da Serra e do distrito de Warta até Bela Vista do Paraíso; as rodovias ligando Mauá da Serra até Ivaiporã, incluindo trecho no território de Manoel Ribas (região Centro); a PR-170, de Rolândia até a ponte sobre o Rio Paranapanema, em Porecatu; a PR-340 de Jaguapitã até o acesso para Santo Inácio (região Noroeste); e a PR-090, de Bela Vista do Paraíso até Porto Capim.

A contratada, KLM Construção de Rodovias, deverá apresentar plano de trabalho para aprovação do DER/PR que, após aprovação deste planejamento, irá emitir ordem de serviço para início das atividades. A empresa venceu a licitação para executar a obra após julgamento pela comissão do DER/PR, tendo sido acatado o recurso administrativo apresentado após a fase de habilitação.

O edital foi realizado na modalidade de concorrência pública, em que a ganhadora é definida pela proposta de preço mais vantajosa para a administração pública e por ter sua documentação aprovada.

PROCONSERVA – Trata-se de um programa intermediário, visando garantir a conservação e boas condições de segurança das rodovias estaduais, enquanto está em elaboração o próximo programa de conservação. Para esta nova iniciativa estão em desenvolvimento projetos que irão contemplar soluções mais modernas, embasadas por uma cuidadosa análise das condições do pavimento da malha estadual. Será uma nova modelagem para este tipo de contrato, com indicadores de desempenho e resultados mais eficazes e duradouros.

AEN

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.