Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Entidade reúne deputados estaduais brasileiros no debate de pautas internacionais

O Deputado Estadual Requião Filho, que também é Presidente da Comissão do Mercosul e Assuntos Internacionais da Assembleia Legislativa do Paraná, recebeu esta semana, a visita do presidente da Unipa - União Interamericana de Parlamentares, o deputado catarinense Ivan Naatz. O objetivo do encontro foi a entrega de um convite aos parlamentares do legislativo paranaense para se filiarem ao bloco e, assim, fortalecer o debate de pautas de interesse comum ao Mercosul.

A iniciativa teve início há 22 anos, na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, e busca fomentar a integração entre os parlamentos latino-americanos, a partir de uma agenda positiva de intercâmbio e troca de experiências. Na ocasião, Naatz também entregou a Requião um exemplar da revista “Conexão Parlamentar”, órgão de divulgação interna que trata dos assuntos relacionados ao Mercosul e o futuro das relações internacionais de política e de negócios. A próxima reunião do grupo deve ser na ALESC, em Florianópolis, dias 30 e 31 de agosto, com um Seminário sobre Tratado de Livre comércio entre Mercosul e a União Europeia.

“É uma oportunidade de integração interessante entre os representantes políticos, responsáveis por legislar e debater o fortalecimento dos micro e pequenos empresários, da indústria, do comércio e do setor de serviços nos estados brasileiros. Essa troca de experiências é muito enriquecedora para nosso trabalho e reflete em como somos vistos lá fora. De minha parte, poderão contar com meu apoio e participação em suas atividades”, declarou Requião Filho, agradecendo o convite que também é estendido aos demais parlamentares da ALEP.

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.