Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A unidade, administrada pela Fundação Estatal de Atenção à Saúde do Paraná (Funeas), é uma referência na região Norte do Estado, sendo responsável por uma média de atendimento de 3 mil pessoas por mês. Os profissionais elencados para o mutirão são especialistas em otorrinolaringologia e cirurgia infantil.

Um novo mutirão de consultas pré-cirúrgicas infantis aconteceu em Londrina nesta quarta-feira (11), no Hospital Zona Sul, garantindo atendimento para 105 crianças entre 2 e 11 anos. A unidade, administrada pela Fundação Estatal de Atenção à Saúde do Paraná (Funeas), é uma referência na região Norte do Estado, sendo responsável por uma média de atendimento de 3 mil pessoas por mês.

Os profissionais elencados para o mutirão são especialistas em otorrinolaringologia e cirurgia infantil, e a ação contou também com uma equipe multiprofissional altamente qualificada. Além das consultas, a unidade organizou várias ações internas em comemoração ao Dia das Crianças, proporcionando um ambiente acolhedor com recreação, decoração temática infantil, cama elástica, brinquedos, pinturas e distribuição de doces na saída do atendimento.

"Esse é um processo importante, que viabiliza maior fluxo assistencial e garante que nenhum paciente fique desassistido. No caso das crianças, a sensibilidade é ainda maior e o Governo do Estado tem realizado grandes esforços para atingir esse público", avaliou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

"Nosso objetivo é expandir o número de mutirões em diversos pontos do Estado para promover um avanço significativo no panorama cirúrgico e assistencial do Paraná", reforçou o diretor-presidente da Funeas, Marcello Machado.

Na última semana, o hospital realizou o primeiro mutirão de cirurgias infantis de sua história, com 22 procedimentos realizados. O HZSL atende a média complexidade e é parte integrante de quatro linhas de cuidados prioritários da Sesa: saúde mental, saúde do idoso com cuidados paliativos, pós-covid-19 e cirurgias eletivas. O hospital oferece atendimento em diversas especialidades, incluindo clínica geral, cardiologia, pneumologia, vascular, psiquiatria, infectologia, nefrologia e pediatria.

A estrutura do hospital é composta por 115 leitos, sendo 75 enfermarias (incluindo 10 exclusivos para atendimento psiquiátrico), 26 leitos cirúrgicos e 14 leitos pediátricos. Além disso, a unidade é referência para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma (Siate).

O HZSL realiza aproximadamente 600 procedimentos cirúrgicos por mês, com cerca de 120 procedimentos cirúrgicos pediátricos, dos quais 70 são relacionados à otorrinolaringologia.

AEN

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.