Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

As pessoas que fazem parte dos grupos prioritários preconizados pelo Ministério da Saúde podem se vacinar contra a gripe, sem necessidade de agendamento

Todas as 54 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Londrina disponibilizam a vacina contra a gripe para os grupos prioritários preconizados pelo Ministério da Saúde. Os interessados em se vacinar podem se dirigir a qualquer UBS do município, portando documento pessoal, carteira de vacinação e documentação que comprove pertencer ao grupo prioritário. Não é necessário realizar agendamento, pois o atendimento é por livre demanda.

Os grupos prioritários, para os quais a vacina esta disponível desde ontem (25), são compostos por: crianças de 6 meses a menores de 6 anos; gestantes e puérperas (mulheres no pós-parto); idosos com 60 anos ou mais; trabalhadores da saúde; crianças indígenas de 6 meses a menores de 9 anos; pessoas com comorbidades; adolescentes em medidas socioeducativas; população privada de liberdade; funcionários do sistema de privação de liberdade; professores do ensino básico e superior; povos indígenas; pessoas em situação de rua; profissionais das forças de segurança e de salvamento; profissionais das Forças Armadas; pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais (independentemente da idade); pessoas com deficiência permanente; caminhoneiros; trabalhadores do transporte rodoviário coletivo (urbano e de longo curso); e trabalhadores portuários.

O secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, explicou a importância da imunização contra o vírus da gripe nesse momento. “Nosso desafio vai ser conscientizar a população da importância de se vacinar contra a gripe agora. De forma acertada, o Ministério da Saúde antecipou o início da Campanha de Vacinação contra a Gripe, para que justamente quando a gente sentir as mudanças climáticas, e chegar o inverno e o tempo mais frio, as pessoas já terem tomado a vacina, já terem passado o tempo de produção de anticorpos e a vacina já estar efetivamente protegendo a população”, detalhou.

Balanço do mutirão

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe começa hoje (25) em todo o Brasil, mas Londrina foi uma das primeiras cidades do país a iniciar a vacinação antecipada contra a gripe. A ação foi realizada através de um mutirão de vacinação, no sábado (23). Na ocasião, 14 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), de todas as regiões da cidade, estiveram abertas o dia todo para realizar a aplicação do imunizante na população londrinense que se enquadra nos grupos prioritários.

Com capacidade de aplicar 8 mil doses do imunizante durante o mutirão, ao todo, foram aplicadas 6.799 doses da vacina da gripe. Dessas, 1.006 doses foram aplicadas em crianças de idade entre 6 meses e menores de 6 anos, 33 foram aplicadas em gestantes, 4.186 em idosos com 60 anos ou mais, 1.574 doses em pessoas de outros grupos prioritários.

NCPML

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.