Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Programação paralela da FIDI foi realizada pelo Sebrae/PR, Setu e Fecomércio PR, na quarta-feira (20), em Curitiba, em painéis que reuniram gestores da Espanha, Uruguai e da Argentina

Na quarta-feira (20), o workshop internacional “Construção de Rede de Destino Inovador Paraná" reuniu mais de 70 representantes de instituições públicas e privadas de diversas regiões turísticas do Paraná na sede do Sebrae/PR, em Curitiba, para debater o desenvolvimento de uma rede de Destinos Turísticos Inteligentes (DTI). Em programação paralela à realização da Feira Internacional de Destinos Inteligentes (FIDI), o painel reuniu gestores de Benidorm, Badajoz e Valencia, na Espanha, e de Montevidéu, no Uruguai.

José Gava Neto, diretor Administrativo e de Finanças do Sebrae/PR, destacou o objetivo do workshop internacional.

“Comunidades e ativos sociais constroem juntos vínculos de interação, oferecendo a melhor experiência para os turistas, promovendo o desenvolvimento local, a grande bandeira do Sebrae. Essa iniciativa busca fortalecer a discussão da atuação em rede para implementação do modelo DTI no Paraná. Para isso, contamos com atores públicos e privados do nosso Estado, e com a parceria da Fecomércio PR e da Secretaria de Estado do Turismo”, pontuou.

A diretora-geral da Secretaria Estadual do Turismo do Paraná e secretária em exercício, Camila Aragão, representou o governo do Estado no workshop.

“A criação de uma rede de destinos inteligentes vai potencializar ainda mais cada região do Paraná, mostrando o quanto podemos avançar na atração de turistas internacionais, que priorizam cada vez mais esses destinos. O governo do Estado sempre busca ouvir o setor privado para entender como podemos ajudar, por meio de parcerias com instituições e incentivo ao intercâmbio de boas práticas entre nossos municípios.”

Giovanni Bagatini, coordenador da Câmara Empresarial de Turismo da Fecomércio PR, destacou a importância do trabalho em rede para o Paraná.

“O caso de DTI da Espanha é um sucesso há mais de dez anos, como rede estadual e nacional que gera emprego e renda. Turismo se constrói em várias mãos: pública, privada e com a comunidade. A troca de benchmark que a rede proporciona, além do vínculo com entidades com a mesma visão de desenvolvimento é algo que vem a somar. A Fecomércio PR pretende contribuir com os nossos representados, para que esse desenvolvimento seja sustentável e inteligente”, ressaltou.

Workshop reuniu mais de 70 pessoas na sede do Sebrae/PR em Curitiba.

Painel internacional

O workshop foi mediado por Patricia Albanez, coordenadora de Turismo, Economia Criativa e Artesanato do Sebrae/PR, e por Gonzalo La Rosa, diretor executivo do Instituto Ciudades del Futuro (ICF), da Argentina.

“A rede espanhola tem uma questão metodológica que une a todos. Nesse sentido, falando sobre metodologias vinculadas, é preciso ter uma política pública definida, saber qual é o seu modelo, sua linguagem e escala”, afirmou Gonzalo.

Gerar sinergias é o principal objetivo das redes de cooperação, segundo Leire Bilbao, gerente de promoção turística do Visit Benidorm, na Espanha.

“São as sinergias que podem gerar convergências com as redes locais e regionais, dando impulso nacional ao setor turístico. A troca de resultados e indicadores é essencial para o processo de melhoria contínua de todos os destinos inovadores”, disse.

José Manoel Camarero, diretor de estratégia de marketing da Visit Valencia, na Espanha, representou a cidade que foi capital europeia de DTI em 2022.

“A Visit Valencia é uma fundação público-privada criada para fomentar a cidade como destino turístico inteligente. Acredito que o segredo é pertencer à comunidade de forma integrada, fazer parte de uma rede que permita a todos compartilhar experiencias e conhecimento. Cada vez mais, tenho certeza de que o futuro são as redes de parcerias”, ressaltou.

Camila Aragão, diretora-geral da Secretaria Estadual do Turismo do Paraná (Foto: Inove)

Carlos Romero, diretor de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação da Sociedade Mercantil Estatal para a Gestão da Inovação e as Tecnologias Turísticas (Segittur), vinculada à Secretaria do Turismo da Espanha, veio pela primeira vez à Curitiba.

“Achei a cidade muito interessante. Recomendo que criem uma rede de destinos inovadores no Paraná. Estamos trabalhando há dez anos, ainda não somos maiores de idade, mas estamos em fase avançada de aprendizado. Criamos a rede há cinco anos, pouco antes da pandemia, desenvolvendo diagnósticos de destinos turísticos inteligentes, com indicadores próprios e uma série de recomendações. Parte desses conhecimentos serviu para a criação da Rede Ibero-americana”, contou Romero.

Painel com gestores públicos das cidades de Valencia e Benidorm, na Espanha. (Crédito: Inove)

Representando a Rede Ibero-americana de Destinos Turísticos Inteligentes, surgida em 2022, Karen Ramírez, assessora da Divisão de Turismo de Montevidéu (Uruguai), apresentou as atividades realizadas pela rede.

 “Nossa missão é promover a colaboração administrativa público-privada para colocar os destinos no centro das atenções das políticas de turismo, tendo como norte a governança e as boas práticas. Para isso, realizamos capacitações, oferecemos acesso a banco de dados, subsídios e financiamentos. Nossa presidência é rotativa, atualmente está com o Instituto Distrital de Turismo de Bogotá (Colômbia). E o Ministério do Turismo do Brasil ocupa a nossa secretaria institucional”, explicou Karen.

FIDI

O Sebrae participou da Feira Internacional de Destinos Inteligentes (FIDI), de 17 a 19 de março, com participação em painéis e estande que apresentou as boas práticas dos 12 municípios reconhecidos no País, parte do Programa Turismo Futuro Brasil. O evento é voltado para profissionais do setor de turismo e inovação, gestores públicos, acadêmicos e organizações não governamentais do Brasil e da Ibero América.

Asimp/Sebrae/PR

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.